sábado, 23 de janeiro de 2016

Cupim Assado ao Molho de Ervas e Vinho Tinto


Cupim é uma carne muito saborosa, proveniente da parte dianteira do boi um pouco acima do pescoço.
Por ser barata e entremeada de gordura, muitas vezes descartamos e nos lembramos apenas nas Churrascarias.
Este corte de 2ª precisa de um cozimento lento para que toda a gordura entremeada, de sabor e maciez a carte.
Aproveite esta receita assada e aprecie em sua casa uma nova maneira de comer o Cupim.

Porção para 6-8 pessoas

Ingredientes:

1 cupim de aproximadamente 1,5-2 kg;
1 cenoura em rodelas;
2 cebolas roxas em fatias;
3 dentes de alho espremido;
3 ramos de alecrim;
1/2 litro de vinho tinto seco;
1 colher de sopa de azeite ou óleo vegetal;
1 colher de sopa de manteiga sem sal;
1 colher de sopa de tomilho;
1/2 litro de caldo de carne;
1 colher de sopa de orégano;
1 maço de salsa e cebolinha picados;
2 colheres de sopa de molho inglês;
Sal grosso e pimenta do reino moídos na hora.

Modo de preparo:

Retire o excesso de gordura externa e faça alguns furos na carne com um garfo comprido utilizado em churrascos.
Coloque em uma vasilha e adicione todos os ingredientes, exceto a manteiga e sal grosso. Deixe marinar de um dia para o outro ( aproximadamente 6 horas ).


Retire a carne da marinada e seque com um pano limpo.
Pegue uma panela grande, funda e que possa ir ao forno, leve ao fogo alto e adicione a manteiga.
Quando a manteiga começar a espumar, frite a carne de todos os lados para selar e a seguir junte as partes sólidas da marinada.
Deixe dourar os legumes, tempere com o sal grosso e a seguir junte o líquido da marinada e o caldo de carne.
Quando começar a ferver, cubra a panela com papel alumínio e leve ao forno pré aquecido a 250º por aproximadamente 3-4 horas (vai depender do tamanho do cupim).
Retire o papel alumínio e deixe dourar por mais 20 minutos.
Retire a carne, cubra com o papel alumínio e reserve.


Retorne a panela ao fogo alto e deixe reduzir bem o molho, retirando antes o excesso de gordura. Caso prefira um molho sem pedaços, bata tudo no liquidificador ou passe em uma peneira.

Sirva acompanhado de salada verde, farofa, arroz biro-biro e batatas.

Como bebida, a minha sugestão é uma tradicional cerveja Pilsen artesanal.

Bom Apetite !

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Salada Verde, Manga, Palmito, Tomates Cereja e Nozes


Mais uma vez pensando no verão, me veio a ideia de uma salada simples de folhas verdes, com alguns sabores marcantes para dar um contraste.
Uma ótima pedida para entrada ou acompanhamento de grelhados.

Porção para 6-8 pessoas

1 pé de alface americana;
1 pé de alface romana;
1 maço de mini rúcula;
1 manga fatiada (Haden, Palmer ou Tommy);
2 toletes de palmito pupunha em rodelas;
300g de tomates cereja;
1/2 xícara de nozes.

Preparo:

Deixe todas as folhas e os tomates de molho em água com hidrosteril por aproximadamente 10 minutos.
Escorra a água e seque bem as folhas.
Monte a salada como na foto e sirva com o molho de sua preferência ou apenas com azeite, vinagre e sal.

Sugestão de molho: Vinagrete de Tangerina, mel e mostarda.

Ingredientes:

Suco de 1 tangerina;
1 colher de sopa de mel;
1 colher de sopa de mostarda Dijon;
Sal e pimenta branca moída na hora;
3 colheres de sopa de azeite de oliva;
1 colher de sopa de óleo vegetal (Girassol ou Canola );
1 colher de sopa de água.

Preparo:

Misture todos os ingredientes batendo bem com um garfo ou fouet para que fique bem emulsionado.

Bom Apetite !!

domingo, 17 de janeiro de 2016

Lasanha de Carne Moída e Funghi Secchi


Quem é descendente de Italianos, sabe que uma boa lasanha é um prato perfeito para uma refeição com a família.
Pensando nisso, eu fiz esta receita para seu almoço de Domingo.

Ingredientes para 4-6 pessoas

1 pacote de massa de lasanha;
500g de patinho moído;
100g de funghi secchi;
100g de bacon moído;
1 cebola picada;
2 dentes de alho picados;
2 colheres de sopa de cheiro verde picado;
1 cubo de caldo de carne;
500g de mussarela fatiada ou ralada grossa;
75g de manteiga sem sal;
1 litro de leite;
1/2 xícara de farinha de trigo;
Noz moscada;
Sal e pimenta do reino moída;
1 colher de sopa de molho inglês;
100ml de vinho branco seco.
1 xícara de parmesão ralado.

Preparo do picadinho:

Lave e coloque o funghi de molho em água fervida por 20-25 minutos. Pique e reserve o líquido.
Aqueça uma panela grande e coloque o bacon para fritar.
Quando o bacon tiver soltado a gordura, acrescente 1 colher de manteiga e assim que voltar a espumar coloque a carne moída.
Com um garfo longo, mexa bem para que a carne fique bem soltinha.
Coloque a cebola, o alho e o caldo de carne (cubo) misturando bem.
Junte o funghi picado e o vinho branco. Continue mexendo. 
Deixe evaporar o vinho e acrescente metade do líquido do funghi. Tampe a panela e deixe cozinhar por aproximadamente 20 minutos. 
Acrescente o restante do líquido, tempere com sal e pimenta e deixe cozinhar por mais 20 minutos mexendo algumas vezes. O picadinho não deverá ficar com muito líquido.

Preparo do molho branco:

Ferva 1 litro de leite.
Em uma panela, coloque o restante da manteiga e a farinha para fazer um roux.
Acrescente o leite aos poucos e comece a emulsionar com um batedor de arame (fouet).
Quando voltar a ferver, abaixe o fogo e deixe cozinhar por aproximadamente 20 minutos.
Tempere com sal, pimenta e 1 pitada de noz moscada.

Montagem da lasanha:

Utilizando um pirex retangular grande, coloque um pouco do molho branco no fundo e comece alternando, massa, molho, mussarela, massa, molho, mussarela e assim por diante até acabar a massa ou encher todo o pirex. 
Na camada de cobertura da lasanha, acrescente um pouco de parmesão ao molho branco antes de cobrir.
Leve ao forno pré aquecido (10 minutos) à 200ºC pelo tempo determinado pelo fabricante da massa.
Esse tempo pode variar entre 10 e 40 minutos dependendo da massa.

Sirva com um vinho tinto Toscano levemente resfriado.

Buon Appetito !!

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Congrio Rosa ao Molho de Tomate, Batatas e Farofa de Dendê


Quando começa o verão, eu sempre procuro opções de receitas com peixes e frutos do mar, para agradar as pessoas que estão de férias no litoral.
Ao criar esta receita, eu pensei em um peixe de carne firme e saborosa, com um molho leve e a crocância da farofa de dendê.

Ingredientes para 4 pessoas:

4 filés de Congrio Rosa sem pele (200g cada);
Azeite Extra Virgem;
Sal e Pimenta do reino moída na hora.
4 batatas cortadas em rodelas.

Ingredientes para o molho:

3 tomates picados sem pele e semente (concassê);
1/2 pimentão amarelo picado;
12 azeitonas pretas sem caroço, cortadas ao meio;
1 cebola picada;
2 dentes de alho picados;
1 colher de sopa de azeite extra virgem;
Sal e pimenta do reino moída na hora à gosto;
1 colher de sopa de páprica doce;
1 colher de chá de gengibre ralado;
1 colher de sopa de cheiro verde picado;
1 colher de sopa de aceto balsâmico;
1 colher de chá de Garam Masala (opcional).

Ingredientes para a Farofa de dendê:

1 cebola pequena picada;
1 dente de alho picado;
1 colher de sopa de manteiga sem sal;
2 colheres de sopa de azeite dendê;
2 xícaras de chá de farinha de mandioca.

Preparo do molho:

Em uma panela média com tampa, acrescente o azeite, a cebola e o alho e deixe refogar por alguns minutos.
Adicione o pimentão cortado, azeitonas, tomates, tempere com sal e pimenta, balsâmico, gengibre e a páprica doce. Tampe e deixe reduzir até que o tomate perca quase toda água.
Coloque o cheiro verde e reserve.

Preparo da Farofa de dendê:

Coloque a manteiga em uma frigideira bem quente e quando começar a espumar, adicione a cebola e o alho. Deixe refogar até começar a dourar.
Adicione o dendê e após 3-4 minutos junte a farinha de mandioca.
Apague o fogo e mexa bem para incorporar todos os sabores.
Tempere com sal e se gostar, adicione 1/2 pimenta dedo de moça picada.

Preparo do Peixe:

Cozinhe as batatas em água com sal até que fiquem cozidas, mas não moles.
Pincele os filés com azeite e tempere com sal e pimenta.
Leve uma frigideira funda ao fogo alto, adicione um fio de azeite e assim que estiver bem quente coloque os filés para selar do lado onde fica a pele. Deixe por 5 minutos.
Aqueça o forno à 200ºC por 10 minutos.
Transfira os filés para um refratário e leve ao forno por aproximadamente 25-30.

Monte o prato colocando o peixe sobre as batatas, cubra com o molho e ao lado a farofa de dendê.

Como sugestão de bebida, eu optei por um Espumante Rose da vinícola Salton.

Bom Apetite !!



terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Peito de Chester Assado ao Molho de Ervas e Vinho do Porto


Aproveitando que as festas de final de ano já passaram, é hora de aproveitar as ofertas de aves natalinas e fazer deliciosas receitas.
Uma das aves que eu mais gosto é o Chester, pois a sua carne é suculenta e bem saborosa.
Nesta preparação, eu utilizei apenas o peito e fiz uma deglassagem da assadeira com um bom Vinho do Porto.
Para acompanhar, arroz branco e uma clássica farofa de farinha de mandioca torrada, com bacon e azeitonas verdes.

Porção para 4-6 pessoas

Peito de 1 Chester;
1 colher de sopa de azeite extra virgem;
2 colheres de sopa de manteiga sem sal derretida;
Sal e pimenta do reino à gosto;
Mix de ervas aromáticas ( Tomilho, Sálvia, Cheiro Verde e Orégano )
1 xícara de caldo de frango;
1 cebola roxa picada;
2 dentes de alho esmagados;
1 colher de sopa de farinha de trigo (para fazer um roux);
1 xícara de vinho do porto.

Modo de fazer:

Esfregue as ervas aromáticas no peito do Chester e deixe marinar por 1/2 hora.
Em uma frigideira grande que possa ir ao forno, coloque o azeite e um pouco de manteiga para esquentar.
Sele o peito e a seguir acrescente a cebola e o alho.
Regue o peito com a manteiga derretida, tempere com sal e pimenta e as ervas da marinada.
Cubra com uma tampa ou papel alumínio e leve ao forno pré aquecido à 200ºC por aproximadamente 40 minutos. Descubra e deixe dourar. 
Quando dourado, retire da frigideira e mantenha aquecido, embrulhado em um papel alumínio.
Retorne a frigideira ao fogo, acrescente a farinha (mais manteiga se precisar) e quando começar a fazer uma pasta, junte o vinho do porto. Mexa bem com uma colher de pau ou silicone, raspando bem o fundo da frigideira para absorver todos os sucos impregnados.
Acrescente o caldo de frango, deixe ferver e espere reduzir à metade.
Coe em uma peneira fina apertando bem para realçar os sabores. Verifique o sal e a pimenta.
Fatie o peito e cubra com o molho.

Bom Apetite !


quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Risoto Due Funghi



Risoto é uma ótima opção como entrada, prato principal ou acompanhamento.
Como já falei em outros posts, eu adoro risoto e sempre que posso, eu faço em minha casa como prato principal ou como acompanhamento em jantares com muitas pessoas.
Hoje, eu estou colocando a receita de um risoto de 2 tipos de cogumelos secos, com sabores e texturas diferenciados e que na minha opinião, resultaram em uma boa combinação.
Espero que aproveitem a receita e apreciem o prato.


Rendimento: 4 porções

Ingredientes:

2 xícaras de arroz arbório ou carnarolli;
1/2 xícara de funghi secchi;
1/2 xícara de Shitake desidratado;
1 cebola picada;
1 dente de alho picado;
100g de manteiga sem sal;
100ml de vinho branco seco;
Sal e pimenta do reino à gosto;
1 colher de sopa de azeite extra virgem;
100g de parmesão ou pecorino ralado na hora;
1 litro de caldo de frango

Modo de fazer:

Ferva 1 litro de água.
Coloque os funghis desidratados em 2 tigelas separadas. Acrescente 1/2 litro da água quente em cada uma delas e deixe reidratar os funghis por 20-30 minutos. Retire os funghis, pique e reserve os caldos.
Utilizando uma panela grande, coloque 2 colheres de manteiga, 1 de azeite e deixe esquentar.
A seguir, coloque a cebola e o alho e deixe refogar por 2 minutos.
Junte o arroz, mexa e, após estar incorporado no refogado, coloque o vinho mexendo sem parar.
Quando o líquido começar a secar, acrescente 1 concha por vez do caldo de frango, sempre mexendo.
Após 5 minutos, junte o funghi secchi e comece a utilizar o seu caldo ( coado em um pano limpo ) no lugar do caldo de frango.
Novamente, após 5 minutos, coloque os shitakes e desta vez, passe a utilizar o seu caldo reservado. Se quiser o sabor bem encorpado, junte os 2 caldos dos funghis para terminar o risoto.
Tempere com sal e pimenta do reino moída na hora.
Quando o risoto estiver "al dente", desligue o fogo, acrescente o restante da manteiga e metade o queijo ralado. Mexa bem para que a consistência fique bem cremosa. Se necessário, acrescente 1 concha de caldo na finalização.
Sirva em pratos quentes, com parmesão ralado em cima à gosto.

Para acompanhar, um vinho tinto Merlot.

Buon Appetito !!