quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Hoje é Dia do Nhoque!!



Nhoque com Ragú de La Mia Sorella

Reza a lenda que em um dia 29 na Itália, um andarilho faminto bateu à porta de um casebre pedindo um prato de comida.
A família que o recebera era grande, sem muita comida, mas não se importava de dividir a comida que era um NHOQUE com este andarilho.
Após a refeição, este andarilho "SÃO GENARO", agradeceu e partiu.
Para surpresa dos donos da casa, ao recolherem os pratos descobriram notas de dinheiro em baixo de cada prato.
Desde então, ficou conhecido o dia 29 como o dia da FARTURA e neste dia é servido o NHOQUE com uma nota sob o prato e deve-se comer primeiro 7 nhoques para depois continuar a refeição.
Para alguns é necessário dar a nota que esteve sob o prato para uma pessoa necessitada, para que a lenda se manifeste.

Para quem deseja comer um Nhoque caseiro mas não quer colocar a mão na massa, a minha sugestão em São Paulo é comprar na La Vera Pasta .

www.laverapasta.com.br
Tel: 11-5051-3912

Bom Apetite



terça-feira, 28 de setembro de 2010

Panquecas Americanas para o Café da Manhã



Sabe aquele Domingo chuvoso que não dá vontade de sair de casa... então, esta é uma dica para o café da manhã.
Panquecas do tipo Americano com a massa mais grossa e fofa que é muito fácil e rápida de fazer.

Rendimento 8 panquecas

Ingredientes:

1 xícara de farinha de trigo peneirada;
1 e 1/3 colher de chá de fermento em pó;
1 colher de chá de açúcar;
1 pitada de sal;
1 ovo;
3/4 de xícara de leite (se preferir que a massa fique mais fina, utilize 1 xícara de leite);
1/2 colher de sopa de manteiga derretida;
Óleo para untar.

Modo de fazer:

Bata todos os ingredientes no liquidificador ou se preferir, como é o meu caso, bata à mão com um batedor de arame (Fouet)
Leve uma frigideira pequena ao fogo e unte com óleo deixando esquentar.
Com uma concha coloque a quantidade de massa na frigideira e deixe dourar dos dois lados. Repita a operação até acabar a massa.


Para servir, coloque as panquecas uma em cima da outra e cubra com manteiga, frutas silvestres, geléia, mel ou algum tipo de syrup de sua preferência.

domingo, 26 de setembro de 2010

Kedgeree de Salmão


Originário da Índia, este prato foi levado para o Reino Unido provavelmente por colonizadores Britânicos que retornavam ao lar nos tempos Vitorianos.
Ele é um prato que consiste na utilização de lascas de peixe cozido (Haddock defumado é o mais tradicional), arroz cozido, ovos cozidos, salsinha, curry e manteiga.
Na Índia por volta de 1340 ele era feito com arroz e feijão ou arroz e lentilhas e quando foi levado para o Reino Unido passou a ser servido no café da manhã, pois como não havia refrigeração, era uma maneira de aproveitar as sobras do dia anterior.
Hoje existem várias receitas de Kedgeree que podem ser feitas inclusive com frutos do mar.

Rendimento 6 porções

Ingredientes:

500g de Salmão cozido (se for defumado utilize 350g para não ficar muito forte de sabor);
4 xícaras de arroz cozido ( se puder utilizar arroz Basmáti - Tailandês, melhor);
2 ovos cozidos picados;
3 colheres de chá curry em pó;
2 colheres de sopa manteiga;
Sal e pimenta branca à gosto;
1/2 xícara de salsa picada;
1 e 1/2 xícara da água do cozimento do Salmão

Modo de fazer:

Pegue uma frigideira e coloque a manteiga e o curry para esquentar.
Junte o arroz e o Salmão em lascas mexendo para ficar uniforme. Acrescente a água do cozimento e quando o líquido estiver quase seco apague o fogo.
Coloque a salsa, os ovos picados, misture e sirva em seguida.

Nota: O Salmão foi levado ao forno temperado com sal e pimenta, 1/2 xícara de vinho branco seco, suco de 1 limão siciliano e 1 colher de azeite. Foi coberto e cozinhou por aproximadamente 20 minutos.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Criando um Molho



Muitas vezes nós ficamos pensando que tipo de molho irá acompanhar uma carne vermelha, seja ela um rosbife, um assado ou até mesmo um bom bife.
Existem vários que podem ser feitos, mas nada como aproveitar as raspas e os sucos que sobram no fundo das assadeiras ou frigideiras.
Esta operação é conhecida como deglaçar e pode ser feita com a adição de bebidas alcoólicas, água, caldos ou algum outro líquido.
No caso do molho desta foto eu utilizei vinagre balsâmico e um caldo de carne reduzido para deglaçar uma assadeira, mas como disse poderia ser feita em uma frigideira. Acrescentei também um pouco de molho inglês e mostarda deixando tudo reduzir bem até ficar espesso.

As quantidades utilizadas foram:

100ml de caldo de carne;
2 colheres de sopa de vinagre balsâmico;
1 colher de sopa de mostarda;
1 colher de sopa de molho inglês

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Comidinha Caseira - Feijão Preto


Filé acebolado com feijão preto e farofa

Filé a Camões

Descobrir novos ingredientes e sabores é muito bom, principalmente quando queremos fazer comidas mais elaboradas para um jantar romântico ou uma reunião com os amigos, mas nada é melhor que aquela comidinha do dia a dia, o nosso trivial, aquela comida com jeito de casa de mãe.
A receita de hoje não tem nenhum mistério, pois nada mais é do que um feijão preto. A diferença é que eu sempre procuro fazer um feijão mais gordo com bacon, linguiça e paio, quase uma feijoada.

sábado, 11 de setembro de 2010

Escalopes à Don



Outro dia eu estava no facebook e um amigo meu que eu não tinha contato havia muitos anos postou uma foto de um prédio em Santos- SP, onde existiu o 1º Restaurante Don Fabrízio na Avenida Ana Costa.
Na mesma hora começaram a vir as lembranças de algumas das melhores comidas que eu já comi na minha vida.
São várias lembranças de pratos que eu comi na minha infância no Don Fabrízio de Santos e mais tarde aqui em São Paulo no Restaurante Tatini.
A receita de hoje é prática e pode tanto ser feita no fogão como em um rechaud, aliás uma das coisas que eu sinto muita falta nos restaurantes de hoje e que eram executadas com maestria pelos maitres dos restaurantes da Familia Tatini.

Rendimento 4 porções

Ingredientes:

8 Escalopes de filé mignon ou alcatra;
100g de manteiga (aproximadamente);
farinha de trigo para empanar os escalopes;
3 colheres de sopa de molho inglês;
Sal e pimenta do reino à gosto;
2 colheres de sopa de salsa picada;
350ml de vinho tinto seco

Modo de preparo:

Tempere os escalopes com sal e pimenta e passe na farinha de trigo retirando o excesso.
Leve uma frigideira grande ao fogo alto, coloque 1 colher de sopa de manteiga e quando esta estiver espumando comece a fritar os escalopes 2 minutos de cada lado. Procure fritar no máximo 4 por vez e acrescente mais manteiga se necessário, pois a farinha irá absorve-la. Retire os escalopes e reserve.
Coloque o vinho na frigideira e raspe a crosta que se formou no fundo para fazer um molho. Retorne os escalopes e deixe o molho engrossar e reduzir. Novamente reserve os escalopes com metade do molho.
Coloque um arroz branco já cozido nesta frigideira, acrescente a salsa picada e misture tudo.
Na hora de servir, coloque o arroz no prato com os escalopes por cima e cobertos de molho. Se desejar acompanhe com batatas chips.